Posted on: 16 de agosto de 2021 Posted by: Tinkamo Comments: 0

RESGATE DE NASCENTEūüíß

Aqui √© cheio d’√°gua. Tem rio, riacho, c√≥rrego e nascente. Mas a √ļnica forma de ter √°gua de beber √© com 300m de mangueira morro acima. L√° em cima tem uma nascente linda e antiga, que j√° foi fonte de v√°rias fam√≠lias antes de n√≥s. Desde os tempos que a casinha dos vizinhos da frente era uma escola pra 40 crian√ßas, todo mato era ro√ßa e todo final de semana tinha baile na vizinhan√ßa. E desde essa √©poca, essa nascente nunca foi protegida. Aqui no morro e no meio do mato, se n√£o protege a nascente, a terra acumula, as ra√≠zes v√£o pra cima e logo, da √°gua, n√£o se tem mais not√≠cia. Foi o que aconteceu aqui. A terra foi acumulando e obstruindo o caminho da nascente e o po√ßinho que ela formava. Assim, cada vez vinha menos √°gua pra caixa d’√°gua, faltas de √°gua mais frequentes e mais demora pra ela voltar. Dia 30, deu um estafo total e teve problema na nascente, no cano, e em v√°rias emendas da mangueira. Tudo isso pra dizer que ficamos duas semanas sem √°gua, fazendo de tudo pra resolver esse problema. √Č preciso assegurar diversos meios de acesso a √°gua pra, quando um deles estiver amea√ßado (e eles um dia estar√£o amea√ßados), a gente tenha tempo, e √°gua, pra ir l√° resolver esse problema.

O que fizemos na pr√°tica foi identificar o problema de pouca vaz√£o na nascente e muita sujeira acumulada (lodo, folhas, argila). Abrimos o buraco do po√ßinho que estava cheio de sujeira e tiramos toda a camada de anos de terra, argila e areia que tinha se formado ao redor do c√īncavo de pedras natural da nascente. Descemos o morro com tijolos, cimento e areia. A cada arenito quebrado e retirado, mais um fiozinho de √°gua. E assim a gente foi indo, de form√£o e martelo, devagarinho, com muita sede, e fazendo o trabalho mais bonito dos √ļltimos anos. Quebrar pedra e verter √°gua.

Veja os registros do resgate de nascente:

Nascente em perspectiva de tamanho
No meio do trabalho de escavação
Limpeza da √°gua suja e terra de dentro da nascente
No meio do trabalho, foco na cor branca da rocha por onde a nascente escorre
Argila verde
Nascente Restaurada
Nascente restaurada definitivamente

Com form√£o e martelo tirando os arenitos que se formaram em cima da nascente

Trazendo tijolos morro abaixo

√Āgua escorrendo, metade da terra j√° retirada

Leave a Comment